PROG SELECTION

PROG SELECTION
Pérolas da Música Progressiva de todas as eras.
Mostrando postagens com marcador de de lind. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador de de lind. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 2 de maio de 2014

De De Lind - Io Non So Da Dove Vengo E Non So Dove Mai Andro. Uomo E Il Nome Che Mi Han Dato [1972] - Italy / Itália


Mais uma banda que lançou apenas um álbum, fato mais do que comum entre as bandas italianas da época, mas antes disso também haviam lançado 4 singles que foram, "Anche se sei qui", "Mille Anni", "Signore, dove va?" e "Fuga e morte", essa ultima presente no álbum em questão.

Formaram o grupo em 1969, e lançando o seu primeiro single como um sexteto, depois disso a banda permaneceu com cinco integrantes os quais lançaram os resto do material.

Essa banda nos trás alguns aspectos curiosos e por que não dizer interessantes. Gilberto Trama deve ser muito mais flautista do que tecladista, pois sua participação na flauta é muito mais expressiva do que nos teclados, uma vez que predomina a guitarra e uma pegada hard rock básico. Alias quase nem se percebe teclas neste disco. Utilizam um instrumento de percussão pouco utilizado e não convencional em bandas de rock: o tímpano. Alternam passagens rápidas e lentas com boa dinâmica entre elas, inclusive inserindo trechos acústicos muito bem colocados.

"Indietro nel tempo" e "Voglia di rivere" apresentam um aspecto muito peculiar, pois sua seqüência melódica básica é superponível ao "no time" da banda canadense Guess Who.

"Paura Del niente", "Smarrimento" e "Cimitero di guerra" perfazem o miolo deste Cd e acaba sendo o melhor e mais interessante dele, pois suas linhas melódicas fogem um pouco do convencional e os arranjos são diferenciados, embora paguem certo tributo ao Jethro Tull.

A introdução de "Fuga e Morte" se faz pomposa, com tímpanos e acusticamente sombria, mas descamba para um hard rock comum.

Após o lançamento desse álbum a banda ainda deu dois grandes vôos quando tocou em dois importantes festivais italiano, em 1973, tocaram no Rassegna di Musica Popolare, realizada em Roma, e em Be-In Festival, em Nápoles, mas nessa época a banda estava com um novo baterista chamado Fabio Rizzato, desconheço totalmente o motivo dessa substituição. Após isso Vitor Paradiso teve uma breve carreira solo entre 1978-80, enquanto o resto da banda simplesmente desapareceu no anonimato. Só mais uma curiosidade, o primeiro baterista chamado Ricky Rebajoli e que saiu da banda por motivos desconhecidos de todos, antes de se aventurar com o De De Lind, havia tocado em duas outras bandas italianas, New Dada e I Nuovi Angeli, essa segunda pra qual ele regressou após a saída do grupo.

Release / Label:
Mercury ‎– 846 414-2 - Italy, 1990


Track Listing:
1. Fuga E Morte (7:20)
2. Indietro Nel Tempo (4:17)
3. Paura Del Niente (7:46)
4. Smarrimento (7:59)
5. Cimitero Di Guerra (5:19)
6. Voglia Di Rivivere (3:35)
7. E Poi (2:03)
Total Time: 38:19

Line-up:
- Vito Paradiso / vocals, acoustic guitar
- Gilberto Trama / flute, saxophone, keyboards
- Matteo Vitolli / guitar, percussion, piano, flute
- Eddy Lorigiola / bass
- Ricky Rebajoli / drums, percussion

Format: flac (tracks + cue) = 208 mb = Torrent
Format: mp3 (320 kbps) = 89 mb = Yandex / pass = progsounds

Pesquisar este blog

WORLD